<$BlogRSDUrl$>

quarta-feira, fevereiro 04, 2004

  Kruger Park


Clave de Sol, Outubro de 2000, Kruger Park, África do Sul

Fui ao Kruger ver os bichos.

Vi uma família de selvagens Cães
na hora das refeiçães.
Dois Cudos completamente mudos.
Impalas e outras que tais, muitas mais.
Dezenas de giras girafas com pescoços garrafais.
Dois tromboscídeos in love e um bebé trombinhas.
Uma olifanta isolada, e mais vinte em manada.
17 hipotálamos num lago,
o rabo de uma leoa, seis cágados,
vários passarucos e dois cucos.
poucos porquíssimos porcos selvagens.
Otorinocerontes brancos e pretos em savanas separadas.
Cáfilas de macacoas em alegres macacadas.
Um abutre vestuto de luto num arbusto.
Necrófitos neófitos de dura cornadura
branca, preta ou encarnadiça.
Leopoldos népias.
Leocárdos, Leonardos, Leonéis
nem mudos nem peludos nem barrigudos.
Juba de leão, também não. Jaguar com pelo, nem vê-lo.
Matilhas de Boers.
Zebras brancas com riscas pretas e pretas com riscas brancas
em alegre confraternização com impalos e bois cavalos.
Crocodilo, nem no Nilo. Hiena nem em Viena.
2 Antílopes de marcas esquisitas, nenhumas chitas.
Um simpático casal de Nyalas com riscas e pintas.
meia dúzia de Búfalos e 1 esquilo de meio quilo.
Outros que não me recordo.
Volto, um dia, se o destino deixar.

jcd, Out 2000

Fim de Página