<$BlogRSDUrl$>

sexta-feira, março 19, 2004

  A Vitória da al-Qaeda

Hoje, no meu jornal, Maria de Fátima Bonifácio.

"Está pois de parabéns a Al-Qaeda. Graças à matança que perpetrou, levou a Espanha a uma mudança de 180 graus na sua política externa, começando com o abandono da coligação sinalizado pelo anúncio intempestivo da retirada das suas tropas do Iraque. Por cá, a esquerda aplaude. Louçã recomenda ou mesmo exige de Durão que siga o edificante exemplo espanhol, ordenando a retirada da GNR do Iraque. Carvalhas já responsabilizou antecipadamente o primeiro-ministro por algum atentado que ocorra: ele, sentenciou, "é politicamente responsável [...] por ter atrelado o país na invasão e na ocupação do Iraque e pelas consequências que daí advenham" (PÚBLICO, 17/3). Valha-nos o bom senso e sentido de Estado do Presidente da República, que perante tanto oportunismo e tanta irresponsabilidade já veio dizer que a GNR deve continuar onde está: "Estamos bem onde estamos qualquer que tenha sido a posição de partida."

O artigo completo está aqui.

Fim de Página