<$BlogRSDUrl$>

sexta-feira, abril 23, 2004

  Fálica, mas frustre.

"...Acontece ainda que o "apito" tem uma conotação fálica, mas frustre, de uma sexualidade sem energia nem alegria, reduzida a uma dimensão doméstica, envergonhada e melancólica. E, no plano do significante, um vocábulo em que apareça o elemento "pito" tem algo de uma sexualidade infantil, feita de expressões carinhosas, mas destituídas de agudeza e exuberância."

Edourado Apito Conelho, corrijo, Eduardo Prado Coelho, hoje, no Púbico, corrijo, Público.

Fim de Página