<$BlogRSDUrl$>

segunda-feira, julho 04, 2005

  Coisas Ouvidas

Na última semana, apesar de pouco atento às notícias, alguns soundbytes chegaram-me aos ouvidos.

1. No dia de São IVA, um senhor da Deco apelava à vigilância popular contra os abusos nos preços do comércio. Por causa do IVA. Os comerciantes poderiam aproveitar para alterar os preços. Buuu. Mas será que o homem ainda não percebeu que em Portugal, com algumas más ou menos más excepções, o preço é livre? Se o Sr. Zé da Mercearia quiser marcar a 19,95 euros o meio queijo Terra Nostra, o problema é do Sr. Zé da Mercearia que vai perder os clientes para o Sr. Joaquim do Minimercado ou mesmo para o Sr. Belmiro do Hiper.

A Deco tem tido uma enorme habilidade para se intrometer onde não é chamada. Compreende-se. A prestação de favores políticos trouxe grandes vantagens à Deco. Há uns anos puseram-se de cócoras perante o PS de Guterres e ganharam uma sede mais algumas assessorias bem remuneradas junto do poder socialista. Desde aí, não pararam mais...

2. Vi pouco do Live 8. A primeira hora, basicamente. Um sucedâneo de lugares comuns por parte da "equipa apresentadora", acompanhados das mais despropositadas interrupções - sim, eu sei que Elton John está fora de moda, mas sempre é melhor ouvir Elton do que um rapazinho imberbe entusiasmado com o acontecimento e que nunca mais se calava. E o Pedro Ribeiro até é um tipo bem simpático, mas de cada vez que o rapaz quer falar a sério a coisa sai um bocadinho torta...

Fim de Página